Manifestação em Fafe“Lamentável, absolutamente lamentável…” é a frase que acabamos de ouvir, no Jornal da SIC, da boca de José Socrates, acerca do episódio de ontem em Fafe.

 

 

 

 

 

www.publico.pt

Absolutamente lamentável não é a meu ver, resposta que um primeiro ministro dê, quando o que se passa com a educação, em Portugal é extremamente grave. Não é de comentários supérfulos ,como este, de que necessitamos, mas sim de alguma atenção. O ensino e a educação são essenciais para o desenvolvimento de um país. Os jovens de hoje são o futuro do país amanhã e por isso mesmo precisam de todo o apoio agora.

Absolutamente lamentável é também a situação dos professores portugueses. Hoje em dia um professor não se pode limitar a ensinar, ou seja, a fazer aquilo que sabe. O professor é incunbido também de muitas outras tarefas, que supostamente não lhe competem, já para não falar do ordenado ridículo que recebem no final do mês. 

Ontem, a ministra da educação dirigiu-se a Fafe a fim de participar numa cerimónia de entrega de diplomas do Programa Novas Oportunidades. Maria de Lurdes Rodrigues acabou por ser alvo de protestos devido ao descontentamento de vários alunos daquela escola, tendo sido o seu carro atingido por ovos.

Em relação a este assunto, penso que os alunos têm todo o direito de se manifestarem , de darem a sua opinião e de mostrarem o seu descontentamento face a assuntos que lhes dizem respeito. Por outro lado, não é recorrendo a actos mais violentos, como atirar ovos, que se resolvem problemas sérios.

Mais uma vez, friso que a educação é muito importante, e é no comportamento destes jovens, nos comentários do primeiro-ministro e  nas medidas em relação á educação, que vemos Portugal futuro.

 

Catarina Rodrigues da Costa